[Eleições Social Caixa 2018] Lista definitiva de associados aptos a votar

Prezados Associados,

Conforme previsto no Edital de convocação do processo eleitoral para preenchimento dos cargos da Diretoria, Conselho Deliberativo e Conselho Fiscal, e terminado o prazo para os pedidos de atualização cadastral, publicamos a lista definitiva dos associados aptos a votar:

ADRIANA CRISTINA DIAS KLINKE
ALANA CRISTINA GOMES DA SILVA
ALCIONE BISPO DOS ANJOS
ALEX DE PAULA TAVARES
ALICE DOS SANTOS ACIOLI E SILVA
ANA ROSA MARQUES
ANDRIU NOBRE
ANGELICA ALVES DA SILVA
ANGELINA ALEXANDRINO KERR
ANNE LIEGE SILVA DOS SANTOS
ANTONIA MAYARA COSTA OLIVEIRA
ARIONEIDE FERREIRA VIANA DA SILVA
BRUNO STEIN DE CAMPOS
CAMILA COSTA ARAUJO DE MORAES
CARINE LUCIANE SCHUTZ
CARMELUCIA MARIA DE AQUINO
CATIUZA PAULA LUCENA VIANA
CLAUDIA COSTA DIAS MALTA
CRISTINA GOMES PAIM
DANIELA TAVARES ALEXANDRE
DANIELLE NASCIMENTO VIEIRA MOTA
DAVI PINHATA
DIEGO COSTA
DOUGLAS CARDOSO DA SILVA
EDSON MORAIS LOPES
EDUARDO TOMOHARU CHAVES KIMPARA
ELCY PEDROSO DE SOUSA
ELIANA CRISTINA PEREIRA DA SILVA
ELIANA GRASIELA DE OLIVEIRA
ELINE DE LOURDES MONTENEGRO
ELOISA NASCIMENTO DE MOURA
FABIOLA COIMBRA DE ALMEIDA GUEDES
FERNANDO FERNANDES DE AZEVEDO
FRANCIELE JACQUELINE GAZOLA DA SILVA
GABRIEL BARBOSA DE VASCONCELOS
GEISILANE GONCALVES MARTINS BOMARO
GERUZA CAPRINI CURCIO
GIULIANO JOAO PAULO DA SILVA
GLAUCIA FERNANDA FREDERICO
HAMILTON SILVA DE OLIVEIRA
IVANE BISPO MOREIRA
JACQUELLINE BENEDET MARTINS
JANY ESCARLETE TIAGO MARQUES
JERRY FIUSA DOS SANTOS
JESIEL BARROSO LOPES
JOANNES CRUZ SOUZA
JOSE RIBAMAR GOMES DA SILVA
JOSELINE SCHAPER LEITAO
JULIANA FERREIRA PAGANELLI PUCCI LOPES
JULIANA SARDA
KARLA BASTOS BRASIL FLORIDO DE MENESES
KEILA ALVES BIASOLI
LEANDRO CESAR FERNANDES
LEILA MARIA BORGES BARBOSA
LEOCARLOS SIEVES
LILIANE ARAUJO BARBOSA
LUCAS GONCALVES GUIMARAES
LUCAS PATTARO PUIME
LUCIA DE FATIMA OLIVEIRA DE AVIZ
LUCIA ELENA RIBEIRO
LUCIANE CANDIDO RODRIGUES
LUCIANO SOUZA COSTA
LUCIENE CASTRO RANGEL
LUCY MARIA VIDIGAL BORGES
LUIS ALFREDO PEREIRA HILU
MAGDA COTTA MARTINS MONTE
MAIARA DA CUNHA XAVIER
MARCIA SAKAGUCHI DE OLIVEIRA
MARCOS ANTONIO LUPEPSA
MARIA DAS DORES GOMES PINHEIRO
MARIA LUIZA NUNES RODRIGUES
MARIA VITORIA DANTAS DE ASSIS
MONICA ISABEL ALVES RODRIGUES
RENATA BARRETO DE FREITAS
RENATO AFONSO MOREIRA
RICARDO MOREIRA MIGON
SANDRA DENISE PEREIRA
SANDRO MARCELO XAVIER
SIDARTHA DOS SANTOS DUQUE
SILVANA ROCHA CUNHA
SONIA BERTONI BACOVSKY
SUSANA MARIA MACHADO LUNA
TATIANA PIRES CERVEIRA
TEREZA RAQUEL BARBOSA LIMA
THAIS CRISTINA TEIXEIRA DE MORAES PAIXAO
VERA LUCIA ABREU GOMES
VIRGINIA MARIA LAVAREDA MENDES DA COSTA
WALDER JOSE MARIANNO
WEDER SILVEIRA CUNHA
WELSIA RIDJA DIAS GONCALVES
WILSON PIRES FERREIRA JUNIOR
ZILMA LIMA NAKAZAKI

Oportunamente e conforme o calendário eleitoral, serão divulgadas as instruções para a votação no sistema informatizado.

Atenciosamente

Comissão Eleitoral

[Eleições Social Caixa 2018] Inscrições de candidaturas

Prezados Associados,

Conforme Edital de convocação do processo eleitoral para preenchimento dos cargos da Diretoria, Conselho Deliberativo e Conselho Fiscal, estarão abertas as inscrições para as candidaturas no período de 13/11/2018 a 20/11/2018.

I – Cargos a serem preenchidos

  • Conselho Deliberativo: 3 membros titulares e 3 membros suplentes
  • Conselho Fiscal: 3 membros titulares e 3 membros suplentes
  • Diretoria: Presidente, Vice-Presidente, Secretário, Tesoureiro e 5 Diretores Regionais (Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul). Sendo que aos Diretores Regionais é permitido acumular um outro cargo da Diretoria.

II – Procedimentos para a inscrição de candidaturas

III – Publicação das candidaturas

Findo o prazo para inscrição de candidaturas, haverá, em 21/11/2018, a publicação provisória das chapas e/ou candidatos inscritos e indeferidos, conforme o caso.

Após a publicação provisória das candidaturas, será aberto prazo para recursos aos indeferimentos, de 22/11/2018 a 23/11/2018.

Decorrido o prazo de recursos, haverá a publicação definitiva das candidaturas, em 24/11/2018.

Atenciosamente

Comissão Eleitoral

[Eleições Social Caixa 2018] Lista de associados aptos a votar

Prezados Associados,

Conforme previsto no Edital de convocação do processo eleitoral para preenchimento dos cargos da Diretoria, Conselho Deliberativo e Conselho Fiscal, publicamos a lista dos associados aptos a votar.

I – Associados Aptos a Votar

Foram considerados aptos (em dia com suas obrigações e com e-mail externo cadastrado válido) os seguintes associados:

ADRIANA CRISTINA DIAS KLINKE
ALANA CRISTINA GOMES DA SILVA
ALCIONE BISPO DOS ANJOS
ALEX DE PAULA TAVARES
ALICE DOS SANTOS ACIOLI E SILVA
ANA ROSA MARQUES
ANDRIU NOBRE
ANGELICA ALVES DA SILVA
ANGELINA ALEXANDRINO KERR
ANNE LIEGE SILVA DOS SANTOS
ANTONIA MAYARA COSTA OLIVEIRA
ARIONEIDE FERREIRA VIANA DA SILVA
BRUNO STEIN DE CAMPOS
CAMILA COSTA ARAUJO DE MORAES
CARINE LUCIANE SCHUTZ
CARMELUCIA MARIA DE AQUINO
CATIUZA PAULA LUCENA VIANA
CLAUDIA COSTA DIAS MALTA
CRISTINA GOMES PAIM
DANIELA TAVARES ALEXANDRE
DANIELLE NASCIMENTO VIEIRA MOTA
DAVI PINHATA
DIEGO COSTA
DOUGLAS CARDOSO DA SILVA
EDSON MORAIS LOPES
EDUARDO TOMOHARU CHAVES KIMPARA
ELCY PEDROSO DE SOUSA
ELIANA CRISTINA PEREIRA DA SILVA
ELIANA GRASIELA DE OLIVEIRA
ELINE DE LOURDES MONTENEGRO
ELOISA NASCIMENTO DE MOURA
FABIOLA COIMBRA DE ALMEIDA GUEDES
FERNANDO FERNANDES DE AZEVEDO
FRANCIELE JACQUELINE GAZOLA DA SILVA
GABRIEL BARBOSA DE VASCONCELOS
GEISILANE GONCALVES MARTINS BOMARO
GERUZA CAPRINI CURCIO
GIULIANO JOAO PAULO DA SILVA
GLAUCIA FERNANDA FREDERICO
HAMILTON SILVA DE OLIVEIRA
IVANE BISPO MOREIRA
JACQUELLINE BENEDET MARTINS
JANY ESCARLETE TIAGO MARQUES
JERRY FIUSA DOS SANTOS
JESIEL BARROSO LOPES
JOANNES CRUZ SOUZA
JOSE RIBAMAR GOMES DA SILVA
JOSELINE SCHAPER LEITAO
JULIANA FERREIRA PAGANELLI PUCCI LOPES
JULIANA SARDA
KARLA BASTOS BRASIL FLORIDO DE MENESES
KEILA ALVES BIASOLI
LEANDRO CESAR FERNANDES
LEILA MARIA BORGES BARBOSA
LEOCARLOS SIEVES
LILIANE ARAUJO BARBOSA
LUCAS GONCALVES GUIMARAES
LUCAS PATTARO PUIME
LUCIA DE FATIMA OLIVEIRA DE AVIZ
LUCIA ELENA RIBEIRO
LUCIANE CANDIDO RODRIGUES
LUCIANO SOUZA COSTA
LUCIENE CASTRO RANGEL
LUCY MARIA VIDIGAL BORGES
LUIS ALFREDO PEREIRA HILU
MAGDA COTTA MARTINS MONTE
MAIARA DA CUNHA XAVIER
MARCIA SAKAGUCHI DE OLIVEIRA
MARCOS ANTONIO LUPEPSA
MARIA DAS DORES GOMES PINHEIRO
MARIA LUIZA NUNES RODRIGUES
MARIA VITORIA DANTAS DE ASSIS
MONICA ISABEL ALVES RODRIGUES
RENATA BARRETO DE FREITAS
RENATO AFONSO MOREIRA
RICARDO MOREIRA MIGON
SANDRA DENISE PEREIRA
SANDRO MARCELO XAVIER
SIDARTHA DOS SANTOS DUQUE
SILVANA ROCHA CUNHA
SONIA BERTONI BACOVSKY
SUSANA MARIA MACHADO LUNA
TATIANA PIRES CERVEIRA
TEREZA RAQUEL BARBOSA LIMA
THAIS CRISTINA TEIXEIRA DE MORAES PAIXAO
VERA LUCIA ABREU GOMES
VIRGINIA MARIA LAVAREDA MENDES DA COSTA
WALDER JOSE MARIANNO
WEDER SILVEIRA CUNHA
WELSIA RIDJA DIAS GONCALVES
WILSON PIRES FERREIRA JUNIOR
ZILMA LIMA NAKAZAKI

Os associados aptos a votar listados acima deverão receber uma mensagem de confirmação da participação no processo eleitoral nos seus endereços de e-mail externo cadastrados junto à associação. O associado que não receber a referida mensagem deverá providenciar a atualização cadastral.

II – Associados com pendências de cadastro

Para os associados listados a seguir não foi identificado e-mail externo cadastrado válido, sendo necessária atualização cadastral:

AUREA MARTA GONCALVES
CELIO AMERICO ALVES IZIDORO
CHRISTIANO APARECIDO DOS REIS
CLAUDIA TAVARES DE MELLO
DEBORA CORREA FARIA LOPES
ROGER VLADIMIR RODRIGUES PASTORIS
SERGIO VICTOR AMARAL DE MELO
SILVANIA JORCELINA CARRIJO SOUZA
THEREZA RAQUEL RIBEIRO GONCALVES

III – Associados eventualmente não contemplados nas listas

Para os associados que eventualmente não tenham sido contemplados nas listas publicadas, principalmente aqueles enquadrados na categoria “Fundador” ou “Especial”, solicitamos que seja feita a atualização cadastral.

IV – Atualização cadastral

As demandas de atualização cadastral deverão ser feitas por meio do formulário eletrônico disponível em: https://goo.gl/forms/Cfbsg02whZKBnUrm2. O formulário estará aberto para solicitações de atualização cadastral no período previsto no edital, de 14/11/2018 a 18/11/2018.

Atenciosamente

Comissão Eleitoral

Edital de convocação do processo eleitoral para diretoria e conselhos

São Paulo, 12 de Novembro de 2018

Prezados Associados,

Convoco todos os Associados da SocialCaixa para participarem das próximas eleições que definirão os novos membros da Diretoria, do Conselho Deliberativo e do Conselho Fiscal, conforme disposições estatutárias e prazos seguir:

Etapa Início Fim
Publicação da lista de associados aptos a votar 13/11/2018 13/11/2018
Prazo para pedidos de atualização da lista de associados aptos a votar 14/11/2018 18/11/2018
Publicação definitiva da lista de associados aptos a votar 19/11/2018 19/11/2018
Recebimento dos pedidos de candidatura 13/11/2018 20/11/2018
Publicação das candidaturas aprovadas 21/11/2018 21/11/2018
Prazo para envio recurso ao indeferimento 22/11/2018 23/11/2018
Publicação definitiva das candidaturas 24/11/2018 24/11/2018
Prazo para recebimento do acesso ao sistema de votação 26/11/2018 26/11/2018
Período para votação on line 27/11/2018 28/11/2018
Divulgação dos resultados 29/11/2018 29/11/2018
Assembleia presencial de posse dos eleitos em São Paulo/SP 15/12/2018 15/12/2018

Cargos a serem preenchidos:
Conselho Deliberativo: 3 membros titulares e 3 membros suplentes
Conselho Fiscal: 3 membros titulares e 3 membros suplentes
Diretoria: Presidente, Vice-Presidente, Secretário, Tesoureiro e 5 Diretores Regionais (Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul). Sendo que aos Diretores Regionais é permitido acumular um outro cargo da Diretoria.
Para os Conselhos Fiscal e Deliberativo podem ser inscritos candidatos individuais ou em chapas completas.
Para a Diretoria é obrigatória inscrição de chapa completa.

Inscrições:
Os associados interessados em ocupar os cargos acima devem solicitar sua candidatura nos prazos acima da seguinte forma:
– Inscrição de chapas para concorrer à Diretoria: preencher o formulário disponível em: https://goo.gl/forms/h0EZomKrT2PQ6ke43.
– Inscrição de chapas ou de candidaturas avulsas para concorrer ao Conselho Deliberativo: preencher o formulário eletrônico disponível em: https://goo.gl/forms/veLNuDpmEDIGKwQq1.
– Inscrição de chapas ou de candidaturas avulsas para concorrer ao Conselho Fiscal: preencher o formulário eletrônico disponível em: https://goo.gl/forms/5MQO6zyiFcMreVPN2.
Também deverão acompanhar a publicação das candidaturas no blog https://socialcaixa.wordpress.com/.
Eventuais recursos deverão ser encaminhados dentro dos prazos para o e-mail socialcaixa@gmail.com.

Votação:
A lista de associados aptos a votar será divulgada conforme calendário acima.
Será concedido prazo para que os associados eventualmente não incluídos da referida lista procedam sua atualização cadastral, por meio do formulário eletrônico disponibilizado no seguinte endereço: https://goo.gl/forms/Cfbsg02whZKBnUrm2.
É imprescindível que os associados tenham um e-mail externo válido para que possam participar da votação, a qual ocorrerá por meio de sistema informatizado. A senha para acesso ao sistema de votação será enviada para o e-mail externocadastrado.
As instruções para votação serão divulgadas no blog https://socialcaixa.wordpress.com/ e enviadas para o e-mail externo cadastrado de cada associado.
Caso o associado não receba as instruções deverá entrar em contato através do e-mail socialcaixa@gmail.com.

Comissão Eleitoral:
Nomeio para compor a comissão eleitoral, que será responsável por todas etapas desse processo eleitoral os associados:
– Angelina Alexandrino Kerr
– Eduardo Tomoharu Chaves Kimpara
– Karla Bastos Brasil Florido de Meneses
– Lucas Pattaro Puime

Atenciosamente

Giuliano João Paulo da Silva
Presidente

Seminário Internacional Gentrificação: Medir, Prevenir, Enfrentar

Divulgamos o Seminário Internacional Gentrificação: Medir, Prevenir, Enfrentar, promovido pelo OUTROS – Laboratório para Outros Urbanismos, da FAU/USP, de 11 a 13 de dezembro de 2018.

Screen-Shot-2016-05-25-at-12.13.43-AM-e1478696563235

Conceituação

De tempos em tempos alguma palavra fica na moda no debate sobre as cidades. Sem dúvida gentrificação é um desses termos. Não há debate sobre as cidades e suas áreas centrais em que ele não apareça de alguma forma. Justamente por isso devemos ter cuidado ao falar de gentrificação, principalmente para o caso brasileiro: o que queremos dizer quando falamos nisso? Em que medida ela ocorre atualmente? Sobretudo, em que termos a ideia de gentrificação nos ajuda (ou atrapalha) a entender o que está em jogo nas cidades brasileiras atualmente?

Tais questões se combinam com uma agenda multi e interdisciplinar da rede de pesquisadores(as) Propriedades em Transformação [http://propertiesintransformation.org/], cujo objetivo é combinar esforços teóricos e empíricos que busquem compreender como, por quais mecanismos e com quais conseqüências se dão as transformações das propriedades no Brasil. Em um contexto em que o país passa por um momento histórico e político em que as estruturas da propriedade se submetem cada vez mais a dinâmicas globais, tais como os processos de financeirização, compreender e reverter processos de gentrificação ganha extrema relevância.

Olhando para o caso das grandes cidades brasileiras na contemporaneidade, duas questões relevantes emergem: a necessidade de qualificar e quantificar a gentrificação [Eixo temático 1], e o desafio de superar a simples enunciação do problema, e pensar em estratégias de ação destinadas a estancar, a prevenir ou a reverter tais processos [Eixo temático 2].

Convidados Internacionais: Sandra Annunziata (University of Roma Tre), Tomaso Ferrando (University of Bristol), Pedro Jardim (Creative Footprint Forum), Victor Delgadillo (Universidad Autónoma de la Ciudad de México), Amanda Huron (University of the District of Columbia), Loreta Lees (University of Leicester, via skype).

Comissão Organizadora: Bianca Tavolari (FD-USP e CEBRAP), Débora Ungaretti (FAU-USP), Flávio Prol (CEBRAP), João Carlos Kuhn (FAU-USP), José Glauco da Silva (POLI-USP), Julian Fuchs (Instituto Goethe), Karoline Andrade Barros (FAU-USP), Marília Rolemberg (USP), Patricia Oliveira (UFABC), Pedro Jardim (Creative Footprint Forum), Rebeca Lopes Cabral (FAU-USP), Renato Cymbalista (FAU-USP), Rodrigo Millan Valdes (FAU-USP), Stephanie Andrade Guerra (FAU-USP), Tania Knapp da Silva (FAU-USP), Tomaso Ferrando (University of Bristol Law School).

Comissão Científica: Ana Claudia Castro (FAU-USP), Beatriz Kara José (SENAC), Flávio Marques Prol (CEBRAP), Guilherme Wisnik (FAU-USP), Joana Mello (FAU-USP), João Whitaker (FAU-USP), Kazuo Nakano (UNIFESP), Marina Grinover (FAAP/FAU-USP), Maurizio Pioletti (Politecnico de Torino), Nilce Aravecchia (FAU-USP), Renato Cymbalista (FAU-USP), Simone Gatti (FAU-USP), Suzana Pasternak (FAU-USP), Tomaso Ferrando (University of Bristol Law School).

Mais informações em: http://outrosurbanismos.fau.usp.br/2243-2/

Organização:

organizacao

Apoio:

apoio

Nota de repúdio à agressão de uma colega por policiais militares

Recebemos com indignação a notícia da agressão de uma colega assistente de projetos sociais por dois policiais em São Bernardo do Campo/SP, na última sexta-feira 06/04, quando retornava da manifestação que ocorria no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC contra a prisão do ex-presidente Lula. Nossa colega e uma amiga foram retiradas do ônibus em que tentavam embarcar, sendo submetidas a agressões físicas, verbais e humilhações por parte das autoridades policiais.

Nós, da Social Caixa, repudiamos de maneira veemente essa agressão covarde e inaceitável, ao mesmo tempo em que manifestamos nossa solidariedade incondicional à colega agredida.

Mais que isso, exortamos todas as forças democráticas e progressistas a se organizarem a fim de combater a escalada do fascismo na sociedade brasileira, fenômeno que se expressa em acontecimentos recentes igualmente inaceitáveis, como a execução da vereadora no Rio de Janeiro Marielle Franco, entre outras lideranças populares pelo Brasil afora; e o atentado à caravana do ex-presidente Lula na região Sul, onde o comboio foi alvejado por tiros no estado do Paraná.

Fascistas, não passarão!

São Paulo, 09 de abril de 2018.

Social Caixa

Nota contra a privatização da CAIXA

A Social Caixa – Associação Nacional dos Técnicos Sociais e Assistentes de Projetos Sociais da CAIXA – vem a público manifestar-se veementemente contrária à privatização, ainda que parcial – por meio de uma abertura de capital -, da Caixa Econômica Federal.

Nos últimos dias foram veiculadas diversas notícias revelando movimentações para a privatização deste banco público.

No dia 06/10, uma reportagem do Valor Econômico[1] relatou uma reunião entre o Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e o presidente da CAIXA, Gilberto Occhi, para discutir o novo estatuto do banco estatal, por meio do qual seriam implantadas regras previstas na Lei das Estatais, num primeiro movimento rumo à abertura de capital.

Na segunda-feira 09/10, foi noticiado no Relatório Reservado que o governo Temer estaria tentando atrair bancos estrangeiros para participar do processo de privatização da CAIXA.

As notícias surgem em um contexto em que este governo anuncia a privatização da Eletrobrás, Casa da Moeda e Infraero, e não esconde ter os mesmos planos para os Correios[2][3].

Portanto, a CAIXA como empresa  social, executora de políticas públicas voltada à população mais necessitada, assim como as demais empresas públicas e todo o patrimônio do povo brasileiro encontram-se em risco. Esse cenário exige que cada um de nós se manifeste em defesa da CAIXA pública, pois o que está em jogo são as ferramentas de que dispomos para que o país possa desenvolver-se de maneira autônoma, com respeito ao meio ambiente e promovendo a justiça social.

Desse modo, conclamamos todos os que defendem a democracia e a soberania nacional a se somarem na luta em defesa da CAIXA, das empresas públicas, do patrimônio do povo brasileiro, das instituições democráticas e, em suma, da possibilidade da nossa gente construir o seu próprio destino!

Social Caixa

Outubro de 2017

[1] http://mobile.valor.com.br/financas/5148274/meirelles-e-occhi-discutem-novo-estatuto-da-caixa

[2] http://veja.abril.com.br/economia/governo-estuda-privatizar-correios-diz-ministro/

[3] http://painel.blogfolha.uol.com.br/2017/08/23/apos-privatizacao-da-eletrobras-governo-estuda-corte-em-plano-de-saude-dos-correios-e-pdv-na-ebc/

 

Caixa-004p

Consulta Pública sobre o Conselho das Cidades

eedb07b38c9ef5c3645c5a68116fd113

Notícia do Portal Capacidades:

No período de 7 de agosto até o dia 8 de setembro de 2017 está aberta Consulta Pública sobre o Conselho Nacional das Cidades (ConCidades). Podem participar da consulta as entidades que compõem o Conselho, bem como toda a sociedade.

O objetivo é colher sugestões sobre os seguintes temas estruturantes: competências, composição, funcionamento, eleição e duração do mandato dos conselheiros para que o colegiado tenha papel de relevância no processo de desenvolvimento urbano do país e que sua finalidade seja atingida de forma plena.

A Consulta Pública está prevista na Portaria nº 495, publicada pelo Ministério das Cidades no Diário Oficial da União do dia 24/7. A Portaria pode ser acessada aqui.

Para participar basta acessar: http://www.cidades.gov.br/ultimas-noticias/5291-mcidades-realiza-consulta-publica-sobre-o-concidades.

Participe!

 

Sobre o Conselho das Cidades

Os Conselhos de Políticas Públicas são espaços formais vinculados ao poder executivo e tem por finalidade permitir a participação da sociedade na formulação, acompanhamento e monitoramento de políticas públicas.

Atualmente o Conselho das Cidades – ConCidades é um órgão colegiado, constituído por representantes do poder público e da sociedade civil. O ConCidades tem por finalidade formular, estudar e propor diretrizes para o desenvolvimento urbano e metropolitano, incluindo a integração das políticas de planejamento, ordenamento territorial e gestão do solo urbano, de habitação, saneamento ambiental, mobilidade urbana, em consonância com a Lei nº 10.257, de 10 de julho de 2001 (Estatuto da Cidade).

O ConCidades promove o debate em torno da política urbana de forma continuada entre os segmentos que o compõem, tais como: setor empresarial; movimentos sociais; organizações não governamentais (ONGs); entidades profissionais, acadêmicas e de pesquisa; entidades sindicais; e órgãos governamentais. Ele se apresenta, portanto, como espaço de diálogo e entendimento entre diferentes atores sociais que participam dos processos de tomada de decisão em torno das políticas executadas pelo Ministério das Cidades.

De forma permanente, o ConCidades acompanha e avalia a execução da política urbana nacional, e debate e propõe diretrizes para as políticas de saneamento ambiental, de habitação, de parcelamento da terra, de trânsito e mobilidade urbana. Sua atuação visa fortalecer a pauta federativa, apoiando o planejamento de desenvolvimento institucional e modernização das estruturas administrativas. Mais informações sobre o Conselho das Cidades podem ser obtidas em http://www.cidades.gov.br/conselho-das-cidades

Após treze anos da sua criação, considerando as contribuições do ConCidades na construção das políticas urbanas do país, o Ministério das Cidades entende ser necessário o aperfeiçoamento de suas atribuições, estrutura e funcionamento, de forma a torná-lo mais efetivo, transparente e com capacidade de ampliar a participação das partes interessadas.

Esta Consulta Pública busca colher sugestões da sociedade para que o colegiado consolide seu papel relevante no processo de desenvolvimento urbano do país.

Curso: Trabalho Social em Habitação de Interesse Social

20246281_688441128033517_870332752906116785_n

Da página do Instituto Pólis no Facebook:

O Instituto Pólis, em colaboração com o Fórum de Trabalho Social em Habitação de Interesse Social, o NEMOS* da PUC e a Editora Veras, realizará um curso sobre o Trabalho Social em Habitação de Interesse Social nas terças-feiras à noite (das 19 às 22hs), entre os dias 05 de setembro e 21 de novembro, no auditório do Instituto Pólis.

O curso tem como objetivo capacitar os profissionais da área social que atuam em programas habitacionais de urbanização, regularização fundiária e provisão habitacional, sobre a compreensão da cidade e o lugar do trabalho social, com vistas ao aprimoramento das intervenções e fortalecimento do campo de defesa do direito à cidade.

A carga horária total é de 42 horas sendo 12 aulas de 3 horas e uma atividade externa, de 6 horas, realizada no sábado 16/09.

Para saber mais sobre o curso, visite o nosso site e siga a página do evento

www.polis.org.br/histrabalhosocial

*NEMOS é o Núcleo de estudos e pesquisas sobre movimentos sociais do Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP)